Borne lança amplificador compacto para o mercado brasileiro

Gustavo Victorino | redacao@backstage.com.br | Fotos: Divulgação

 

 

Velhas regras nunca fizeram parte do imaginário popular de músicos e artistas de todas as vertentes. Com esse conceito a Borne nasceu da filosofia dos irmãos Campanudo que decidiram fazer do arrojo e inventiva o pilar da empresa que aos poucos domina o mercado de amplificadores para instrumentos no Brasil.


Outrora pequena, a Borne já dava sinais da sua filosofia lançando amplificadores com design inovador e cores incomuns para esses equipamentos. Logo o mercado respondeu exigindo qualidade e a Borne mais uma vez não decepcionou e fez do seu poderoso Gladiator 2500 um símbolo de potência e confiabilidade para músicos profissionais. O mercado pediu válvulas e a Borne respondeu com o pequeno T7 que surpreendeu pela qualidade e receptividade.


Na era dos minis amplificadores, a empresa mais uma vez foi desafiada a apresentar suas armas e como sempre, a resposta veio imediata. Nesse cenário nasceu o pequeno (ou minúsculo) MoB T30, um aparelho que surpreende já ao abrir a caixa da embalagem.  Como algo tão pequeno pode reproduzir potência e qualidade?
A resposta vem logo ao ligar e a surpresa é inevitável.

Construído num chassi de metal reforçado e disponível em cores metalizadas, o pequeno notável é tão bonito que funciona até com objeto de decoração. Totalmente transistorizado, bivolt e montado obedecendo aos avançados princípios de perfil dos amplificador classe D, o Mob T30 é versátil, prático e moderno. Estruturado operacionalmente para funcionar em até 2 Canais (Clean e Drive), oferece 30 Watts RMS de potência RMS, com saída para fone de ouvido e entrada auxiliar para operar em condições atípicas.


Tem ainda a obrigatória saída de linha e o recurso conexão intermediária de efeitos para aproveitamento individualizado do pré-amplificador (Send e Return) além dos controles básicos de Ganho de Entrada, Grave, Agudo e Volume Master. É completo! E tudo isso com menos de 2 quilos de peso e um tamanho surpreendente. O Mob T30 tem apenas 18cm de largura, 14cm de altura e 12cm de profundidade.

 

 

 

Dá para acreditar?
A saída principal pode ser conectada a uma caixa passiva de até 4ohms e a Borne oferece uma linha de opções tentadoras para todos os gostos e necessidades. As opções são as caixas passivas MoB 110, MoB 112, MoB 200 e MoB 300, respectivamente com o seguinte perfil de falantes, 1 X 10”, 1 X 12”, 2 X 10” e 2 X 12”. Tudo construído numa estrutura reforçada e acabamento em vinil preto, e o mais importante, com o esmero e a qualidade que deu a Borne a credibilidade construída com respeito ao consumidor e suporte ao lojista.


No quesito preço, vem outra surpresa agradável... O pequeno amplificador pode ser comprado no mercado bem abaixo de US$150, ou seja, em torno de 500 reais. As opções de caixas vão de US$ 100 a US$ 200, dependendo do seu perfil de timbragem e espaço disponível.


Ligado, o pequeno amplificador de guitarra traz uma inevitável euforia para quem quer um equipamento prático, resistente e confiável.


Mais um golaço da Borne.
 

Please reload

Destaque

Sétima edição do Rio Music Market acontece entre 9 e 12 de dezembro

December 6, 2019

1/10
Please reload

Posts recentes

October 7, 2019

October 3, 2019

Please reload

Nossas Redes
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Instagram
SOBRE

REVISTA BACKSTAGE

 

A Revista Backstage é um publicação da Editora H. Sheldon e pode ser adquirida online através do site da editora, por assintura ou avulsa.

 

ANUNCIE

IMPRESSA OU DIGITAL

 

Clique aqui e se informe sobre as condições de anúncios em nossa revista ou site.

CONTATO
  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • Instagram

Todos Direitos Reservados

Rua Iriquitiá, 392 - Taquara

Rio de Janeiro - RJ - CEP:22.730-150 

Telefones: (21) 3627-7945 /  2440-4549

E-mail: adm@backstage.com.br

© 2017 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS • REVISTA BACKSTAGE